Vida de Florista

Muita gente quando pergunta o que eu faço, depois de sorrir ao saber que sou florista, pergunta o que exatamente a minha profissão tem a oferecer. Pois bem, esse post é sobre a minha vida e de todas as minhas amigas floristas.

Compras:

Nossas compras SEMPRE acontecem na madrugada, não importa se o CEAGESP comece as 11 da noite e vá até as 8 da manhã, nossa vida é resolvida enquanto todos dormem. Mesmo quando eu saio de casa falando que jajá to de volta porque hoje é pouca coisa, eu acabo me perdendo nas variedades e conversas com fornecedores e acabo chegando em casa muito além do horário planejado.

Dia de trabalho:

Depois de algumas horas dormidas (poucas) acordo e começo a organizar as compras.

Desempacoto tudo, limpo todas as flores e separo por design a ser trabalhado. Após essa tarefa, é hora de começar a fazer os arranjos, lembrando que todo esse tempo nós mesmas varremos e jogamos fora a sujeira que estamos produzindo.

Hora de escolher o vaso que vai receber cada design do dia, colocar água e começar a criar vaso por vaso.

Tudo pronto! Agora é fácil, só entregar, né?! NANANINANÃO Vamos a entrega!

A Entrega:

AHHHHHHHHH como eu vou carregar tudo isso sozinha? Primeiro pensamento antes de se acalmar e começar a carregar tudo isso sozinha!

Vamos pensar, como eu posso colocar esse vaso de um jeito que ele não caia nem desarrume o que eu acabei de fazer? Como ajeitar no carro de forma otimizada com a ordem de entrega de cada cliente?

Feito isso, vamos a casa da cliente ou escritório:

Escada!!! Ninguém pra ajudar!!!! Tira do carro, coloca na calçada, fecha o porta malas do carro, coloca a chave no bolso. Pega os vasos e toca a campainha. Coloca os vasos no chão e abre a porta, segura a porta com o pé (sim, a porta é pesada), coloca os vasos pra dentro e fecha a porta. Pega os vasos, sobe a escada e coloca no chão de novo, repita quantos vasos forem necessários. Tira os vasos da semana passada, esqueci o saco de lixo no carro. Volto pro carro, pega o saco de lixo, coloca todas as flores da semana passada no saco, joga a água fora e começa a posicionar os vasos da semana. Repita nos próximos clientes a operação. Ah, e não esqueça de levar cartão, pois sempre alguém pede.

Volta pro atelier, lava todos os vasos e guarda para próxima ocasião.

Senta na frente do computador e começa a fazer o orçamento do projeto, não tem o vaso que vai usar nessa ocasião. Vai até a 25 de março ver os preços, volta, vai pra Pinheiros nas lojas de aluguéis de vasos e objetos de decoração, volta e termina o orçamento. Faz a apresentação, envia pra cliente. Ela acha caro, porque afinal, são só flores. Faz tudo de novo e apresenta novo projeto.

A cliente não gostou, cadê as tulipas e as peônias do projeto passado? Tá bom, coloca elas de volta, eu pago! hahahahaha

Varre o atelier, joga o lixo fora. Ah hoje tem aula, as alunas vão chegar em 1 hora!

Prepara o ambiente, coloca música, separa as flores em baldes individuais. Elas chegaram! Que delícia, eu amo dividir esse momento com quem também aprecia as flores. Acabou vou descansar. Vou nada!

Final do dia:

Limpa tudo, então, descansa um pouco e se prepara pra ir pro Ceasa e começar tudo de novo!

Claro que não são todos s dias assim, mas a maioria deles estamos sempre preparadas para carregar pacotes, baldes, vasos, plantas...

Nossa vida é uma delícia, conhecemos muita gente bacana, fazemos os momentos importantes das pessoas ficarem mais coloridos e memoráveis, mas também trabalhamos pra caramba!

Vida de florista é colorida, perfumada e bem puxada!


Posts Em Destaque
Posts em breve
Fique ligado...
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Nenhum tag.
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square